SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER
Uma parceria Correio da Manhã revista Flash!
Nacionais
Mãe de Renato Seabra luta para sobreviver
Odília Pereirinha conta com solidariedade para defender o filho
  • Partilhe
16/03/2012 08H24
Odília Pereirinha (à dir.) está em casa da amiga Dulce
Foto: Valério Boto

Os dias não têm sido fáceis para Odília Pereirinha. Além de ver o filho atrás das grades - acusado do homicídio do cronista Carlos Castro -, a mãe de Renato Seabra enfrenta graves problemas financeiros. Com dinheiro apenas para sobreviver, conta com a caridade de amigos, família e anónimos.

De baixa médica e a viver em Elizabeth, a 20 km de Nova Iorque, Odília ganha cerca de 1300 euros por mês, um valor insuficiente para enfrentar o elevado nível de vida nos EUA. Além disso, tem a seu cargo os custos associados ao processo do filho.

A enfermeira de Cantanhede tinha já conseguido angariar, através de um fundo solidário, cerca de 100 mil euros. Mas faltavam-lhe 50 mil. Recentemente, correram rumores de que o montante lhe teria sido dado por um benfeitor anónimo, mas fonte da família de Odília desconhece.

Apesar de estar de baixa e fora do País, o Ministério da Saúde afirmou ao CM que a situação de Odília Pereirinha é completamente legal.

CASA CONTINUA À VENDA

Pouco tempo depois de Renato Seabra ter sido preso, Odília Pereirinha colocou a casa onde vivia à venda. Um ano depois, o imóvel, em Cantanhede, mantém a placa que diz ‘Vende-se'. Odília Pereirinha decidiu desfazer-se da casa para enfrentar as dificuldades financeiras e os custos inerentes à defesa do filho no processo. No entanto, a enfermeira tem tido dificuldades na venda.
Multimédia
adicionar aos favoritos
A notícia foi guardada na sua lista de notícias favoritas. Faça a gestão dessa área na sua conta.
Partilhe
0
Comente
0
BLOGS, CRÓNICAS & CONSULTÓRIOS
  • Ai que saudades…
    Para desânimo de muitos, a silly season está a chegar ao fim.
    Caminho
    Aquilo que, ao contrário do que os desapaixonados apregoam, não se faz caminhando; faz-se amando.
  • Favas contadas
    Há cerca de um ano apaixonei-me por um tipo inseguro e complicado que aparece e desaparece sem critério.
    Televisão do futuro
    Para conseguir vencer a guerra pelas audiências, a CMTV ganha vantagem e volta a fazer história.
  • A minha vizinha tem um blogue
    Chama-se ‘Crónicas da maternidade’. E eu escrevo sobre o blogue da minha vizinha porquê?
    Tudo acaba em samba
    Em quatro anos o Rio de Janeiro transformou-se numa nova cidade. Não maravilhosa pois isso está na sua geografia, ...
  • Boémia
    Aquilo que obedece a tudo menos às regras; momentos que evitam, muitas vezes, a morte.
    Homens com coração
    A sua cara-metade já deu muitos sinais que não se sente como tal. Filhos em comum não chegam para aguentar uma ...
  • Festas com FLASH!
    As águas tépidas que beijam a costa, as paisagens naturais, o património histórico e a gastronomia arrebatam os ...
    O amor acontece
    O meu nome é Maria de Fátima. Há catorze anos não pensaria que a doença de Parkinson me faria uma mulher lutadora ...
  • “Em que estás a pensar?”
    Cada um sabe de si e Deus sabe de todos, ou pelo menos seria bom que assim fosse.
    Calar
    Aquilo que acontece a quem prefere ficar para trás a chegar-se à frente; viver com coragem exige muita coisa – ...
  • Medalha de lata
    Com esta crónica quero antecipar-me a qualquer comenda e atribuo desde já a medalha de lata a Eduardo Paes, o ...
horoscopo
EM DESTAQUE
VIRGEM
24 AGOSTO - 23 SETEMBRO
OUTROS SIGNOS
a ferver
Copyright 2014 - Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. - Grupo Cofina. Consulte as condições legais de utilização.